Jovem é morto a facadas ao defender tia de agressão do companheiro

O jovem Mateus da Silva Oliveira, 21 anos, foi morto a facadas quando defendia a tia que era agredida pelo companheiro, em Nova Iguaçu, no Rio de janeiro, no domingo(6). O assassino foi agredido por populares após o crime e está internado. Mateus da Silva Oliveira, 21 anos, chegou a ser socorrido, mas não resistiu e morreu.

Segundo informações da polícia, o assassino agredia a tia de Mateus e ele resolveu intervir a favor dela. Foi quando o agressor, identificado como Cláudio Ricardo Zilio Rangel, de 43 anos, atingiu o rapaz com golpes de faca.

O Corpo de Bombeiros foi chamado e socorreu o jovem para o Hospital Geral de Nova Iguaçu (HGNI), mas ele já deu entrada morto na unidade. Moradores, revoltados com o crime, agrediram Cláudio, que foi levado para a mesma unidade e está internado com estado de saúde estável.

Segundo o HGNI, ele deu entrada com traumatismo craniano e perfurações de arma branca, sendo observado pela equipe de cirurgia geral e neurocirúrgica.

O agressor internado está sob custódia da PM. A Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF) foi acionada e assumiu as investigações.

A Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF) confirmou que Cláudio Ricardo está preso sob custódia e vai responder pelo homicídio de Mateus. "A investigação prossegue para esclarecer as circunstâncias do ocorrido", disse em nota.


Crédito imagem: Divulgação

Crédito matéria: com informações do O Dia